Política

Justiça determina bloqueio de R$ 32,6 milhões de Temer, Lima e sócio

Ontem, o TRF-2 determinou que o ex-presidente e o Coronel Lima voltem à prisão, o que deve acontecer hoje

[Justiça determina bloqueio de R$ 32,6 milhões de Temer, Lima e sócio]
Foto : Fabio Rodrigues Pozzebom/Agência Brasil

Por Juliana Rodrigues no dia 09 de Maio de 2019 ⋅ 09:40

O juiz federal Marcus Vinícius Reis Bastos, da 12ª Vara Federal de Brasília, determinou o bloqueio de R$ 32,6 milhões do ex-presidente Michel Temer, de seu amigo pessoal João Baptista Lima Filho, o Coronel Lima, e de Carlos Alberto Costa, sócio de Lima.

Segundo o blog de Andréia Sadi, no G1, a decisão é do dia 29 de abril, mesma data na qual o juiz aceitou denúncia contra Temer, Lima, Costa e outros no chamado inquérito dos Portos.

No entendimento do Ministério Público Federal, que solicitou o bloqueio, o ex-presidente recebeu propina em troca de benefícios para o setor, incluindo o decreto que alterou as regras de concessão do setor de portos, publicado em 2017.

Temer é acusado pelos crimes de corrupção ativa, corrupção passiva e lavagem de dinheiro. Ontem, o TRF-2 determinou que o ex-presidente e o Coronel Lima voltem à prisão, no âmbito do inquérito da Operação Descontaminação.

Notícias relacionadas

[PSL deve suspender Eduardo Bolsonaro por críticas ao partido]
Política

PSL deve suspender Eduardo Bolsonaro por críticas ao partido

Por Juliana Rodrigues no dia 20 de Outubro de 2019 ⋅ 09:00 em Política

“Precisamos salvar o Brasil dos filhos do presidente”, disse o deputado Júnior Bozzella (SP), que é um dos principais porta-vozes do presidente da sigla, Luciano Bivar