Política

Alvo da PF, líder do governo no Senado coloca cargo à disposição de Bolsonaro

Fernando Bezerra Coelho avaliou que houve excesso na decisão judicial que autorizou a operação

[Alvo da PF, líder do governo no Senado coloca cargo à disposição de Bolsonaro]
Foto : Marcelo Camargo/Agência Brasil

Por Juliana Rodrigues no dia 19 de Setembro de 2019 ⋅ 11:07

Após ser alvo de operação da Polícia Federal, na manhã de hoje (19), o líder do governo de Jair Bolsonaro no Senado, Fernando Bezerra Coelho (MDB-PE), deixou seu cargo à disposição.

Segundo a Folha, o senador disse ter conversado com o presidente do Senado, Davi Alcolumbre (DEM-AP), e com o ministro da Casa Civil, Onyx Lorenzoni.

"Tomei a iniciativa de colocar à disposição o cargo de líder do governo para que o governo possa, ao longo dos próximos dias, fazer uma avaliação se não seria o momento de proceder uma nova escolha ou não", afirmou o senador a jornalistas.

"Quero deixar, desde pronto, o governo à vontade para que, fazendo o juízo da necessidade de um novo interlocutor, que não haverá, da minha parte, nenhuma dificuldade. Vou continuar ajudando na agenda que acredito, que é a agenda da área da economia", disse.

Bezerra também disse estar à disposição das autoridades para prestar esclarecimentos e avaliou que houve excesso na decisão judicial que autorizou a operação. "Não havia nenhuma necessidade dessas diligências nas minhas residências e nos meus locais de trabalho", disse o senador, que deixou o apartamento para reunir-se com advogados em outro local.

Notícias relacionadas

[Eduardo Bolsonaro desiste da embaixada nos EUA]
Política

Eduardo Bolsonaro desiste da embaixada nos EUA

Por Juliana Almirante no dia 23 de Outubro de 2019 ⋅ 07:40 em Política

No entanto, o terceiro filho do presidente negou que a conquista da liderança do PSL na Câmara Federal tenha sido o fator determinante para a decisão