Usamos cookies para personalizar e melhorar sua experiência em nosso site e aprimorar a oferta de anúncios para você. Visite nossa Política de Cookies para saber mais. Ao clicar em "aceitar" você concorda com o uso que fazemos dos cookies

Política

Assessor do presidente Bolsonaro reforça narrativa ‘de leão e hienas’

O presidente pediu desculpas e afirmou ter sido um "erro" a publicação

[Assessor do presidente Bolsonaro reforça narrativa ‘de leão e hienas’]
Foto : Reprodução / Twitter

Por Metro1 no dia 29 de Outubro de 2019 ⋅ 14:51

Assessor especial da Presidência da República para Assuntos Internacionais, Filipe G. Martins afirmou, nesta terça-feira (29), que o “establishment” é um “punhado de hienas que ataca qualquer um que ameace o esquema de poder”. A declaração acontece após ter sido publicado no perfil do Twitter presidente Jair Bolsonaro (PSL) um vídeo no qual o chefe de Estado é representado por um leão atacado por hienas, que seriam o Supremo Tribunal Federal (STF), partidos de esquerdas e algumas entidades.

“O establishment não gosta de se ver retratado, mas ele é o que ele é: um punhado de hienas que ataca qualquer um que ameace o esquema de poder que lhe garante benefícios e privilégios às custas do povo brasileiro. Isso só mudará quando o Brasil se tornar uma nação de leões”, escreveu Filipe na mesma rede sociail.

O vídeo foi apagado da conta de Bolsonaro. O presidente pediu desculpas e afirmou ter sido um "erro" a publicação. Em entrevista ao jornal O Estado de S. Paulo, Bolsonaro isentou o filho, vereador Carlos Bolsonaro do tuíte e disse que publicará "uma matéria" pedindo desculpas.

“Me desculpo publicamente ao STF, a quem por ventura ficou ofendido. Foi uma injustiça, sim, corrigimos e vamos publicar uma matéria que leva para esse lado das desculpas. Erramos e haverá retratação”, informou o presidente.

 

Notícias relacionadas