Política

General Heleno, infectado pelo coronavírus, rompe quarentena e vai ao Planalto

A recomendação da OMS é que os que possuem a covid-19 fiquem de quarentena, mesmo depois de curados, durante 14 dias e se submeter a novos exames antes de retornar às atividades

[General Heleno, infectado pelo coronavírus, rompe quarentena e vai ao Planalto]
Foto : Valter Campanato/Agência Brasil

Por Kamille Martinho no dia 25 de Março de 2020 ⋅ 16:40

O chefe do Gabinete de Segurança Institucional, general Augusto Heleno e o ajudante de ordens da Presidência, major Cid, ambos diagnosticados com covid-19, suspenderam a quarentena e trabalharam normalmente nesta quarta-feira (25).

A recomendação da OMS e do Ministério da Saúde é que os que possuem a covid-19 fiquem de quarentena, mesmo depois de curados, durante 14 dias e se submeter a novos exames antes de retornar às atividades.

O general Heleno além de comparecer ao Planalto, se sentou à mesa, ombro a ombro, com colegas de ministério e sem utilizar uma máscara.

Notícias relacionadas