Política

Ministro da Justiça, André Mendonça compara caso Moro a Watergate

Declaração foi feita em uma reunião fechada do Conselho de Governo nesta terça (12)

[Ministro da Justiça, André Mendonça compara caso Moro a Watergate]
Foto : Marcello Casal JrAgência Brasil

Por Luciana Freire no dia 12 de Maio de 2020 ⋅ 15:00

Em uma reunião fechada hoje (12) do Conselho de Governo, o ministro da Justiça, André Mendonça, comparou o episódio que envolve a entrega ao Supremo Tribunal Federal (STF) do vídeo da reunião ministerial do dia 22 de abril ao escândalo de Watergate, que levou à renúncia do presidente americano Richard Nixon, em 1974.

A informação foi divulgada pela CNN Brasil, segundo uma fonte presente no encontro, Mendonça declarou que "qualquer ato de não-entrega seria obstrução de justiça semelhante a Watergate."

Mendonça faz referência a ordem do ministro do Supremo Tribunal Federal Celso de Mello no inquérito que apura as acusações de Sergio Moro, segundo ele o presidente Jair Bolsonaro interferiu politicamente na Polícia Federal.

Na manhã desta terça, Moro, seu advogado, e representantes da Advocacia-Geral da União, da Polícia Federal e da Procuradoria-Geral da República assistiam à íntegra do vídeo na sede da PF em Brasília.

A batalha jurídica do Planalto agora é para evitar que o conteúdo da reunião seja disponibilizado.

Notícias relacionadas