Política

STF nega pedido de Flávio Bolsonaro para ter acesso a depoimento de Paulo Marinho na PF

Empresário será ouvido às 9h desta terça; apenas MPF terá acesso ao documento

[STF nega pedido de Flávio Bolsonaro para ter acesso a depoimento de Paulo Marinho na PF]
Foto : Pedro França/Agência Senado

Por Metro1 no dia 26 de Maio de 2020 ⋅ 08:00

O ministro Celso de Mello, do Supremo Tribunal Federal, negou, no fim da noite de ontem (25), o pedido da defesa do senador Flávio Bolsonaro para ter acesso ao depoimento do empresário Paulo Marinho, que será ouvido às 9h de hoje, na Polícia Federal do Rio de Janeiro. O sigilo foi colocado pelo membro da Corte a pedido da PF.

Celso de Mello argumentou, ao negar  a solicitação, que o parlamentar não é investigado no inquérito que apura supostas interferências políticas do presidente Jair Bolsonaro na PF. Por esse motivo, não teria razão que justificasse o acesso ao documento, que ficará restrito apenas ao Ministério Público Federal. 

“Cabe observar, finalmente, que praticados os atos de investigação penal postos sob regime de sigilo, tal circunstância não impedirá que, em momento oportuno, e uma vez formalmente incorporados aos autos do inquérito, venham eles a tornar-se acessíveis aos investigados”, ressaltou o ministro.

Notícias relacionadas