Política

TCU manda Banco do Brasil retirar publicidade em sites acusados de espalhar fake news

Auditores do TCU levantaram que o banco executou cerca de R$ 119 milhões com publicidade na internet

[TCU manda Banco do Brasil retirar publicidade em sites acusados de espalhar fake news]
Foto : Divulgação

Por Luciana Freire no dia 27 de Maio de 2020 ⋅ 14:40

O Tribunal de Contas da União (TCU) determinou hoje (27) a suspensão de contratos de anúncio publicitário do Banco do Brasil com sites, blogs, portais e redes sociais. A informação foi divulgada pelo jornal Folha de S.Paulo. A decisão parte de análise feita pelo tribunal de repasses de verba do banco para sites acusados de publicar fake news.

Na semana passada o Banco do Brasil disse que não anunciaria mais em sites do tipo. Na sequência, após pressão do vereador Carlos Bolsonaro (Republicanos-RJ), restabeleceu a publicidade em página acusada de disseminar conteúdo falso.

Auditores do TCU levantaram que o Banco do Brasil executou cerca de R$ 119 milhões com publicidade na internet.

O ministro do TCU Bruno Dantas autorizou também o envio da cópia integral dos autos e todos dados e documentos ao Supremo Tribunal Federal, onde poderão ser incorporados no inquérito de fake news do STF, de relatoria de Alexandre de Moraes.

Notícias relacionadas