Política

Desmatamento torna 'cada vez mais difícil' acordo UE-Mercosul, diz embaixador alemão

Segundo Georg Witschel o aumento do desmatamento na Amazônia é um empecilho para garantir a maioria no Congresso e no Parlamento Europeu

[Desmatamento torna 'cada vez mais difícil' acordo UE-Mercosul, diz embaixador alemão]
Foto : Agência Brasil

Por Luciana Freire no dia 11 de Junho de 2020 ⋅ 14:20

O embaixador da Alemanha no Brasil Georg Witschel afirma que o aumento do desmatamento na Amazônia está tornando “cada vez mais difícil” a ratificação do acordo de livre comércio entre a União Europeia e o Mercosul. A declaração foi feita em entrevista ao portal G1.

“A posição do governo alemão é que queremos ratificar o acordo. É um acordo muito importante e necessário. Porém, o nosso governo sabe que garantir a maioria no nosso Congresso e no Parlamento Europeu é cada vez mais difícil com as informações sobre o desmatamento crescendo no Brasil”, disse Witschel.

O acordo União Europeia-Mercosul prevê reduções de barreiras tarifárias e não tarifárias para importações e exportações entre os países dos dois blocos e tem potencial de proporcionar um aumento bilionário do Produto Interno Bruto (PIB) brasileiro e dos investimentos no país.

O Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais (Inpe) informou na última terça (9) que a área desmatada na Amazônia entre agosto de 2018 e julho de 2019 teve um aumento de 34,4% em relação ao período anterior. É a maior área desmatada desde 2008.

Notícias relacionadas