Usamos cookies para personalizar e melhorar sua experiência em nosso site e aprimorar a oferta de anúncios para você. Visite nossa Política de Cookies para saber mais. Ao clicar em "aceitar" você concorda com o uso que fazemos dos cookies

Política

Ministro da Justiça diz que governo não interfere na PF, mas cobra resultados

PF foi alvo de críticas esta semana após pedir ao STF para postergar ou cancelar operação contra bolsonaristas alegando risco à 'estabilidade de instituições

[Ministro da Justiça diz que governo não interfere na PF, mas cobra resultados]
Foto : Isac Nóbrega/PR

Por Luciana Freire no dia 26 de Junho de 2020 ⋅ 19:30

O ministro da Justiça André Mendonça disse hoje (26) que o governo não interfere na Polícia Federal. Ao apresentar um balanço das operações policiais envolvendo o tráfico de drogas, Mendonça afirmou que a pasta apenas cobra resultados do órgão. A informação foi divulgada pelo jornal O Globo.

"A Polícia Federal tem autonomia total. A minha interferência e a do governo Bolsonaro é cobrar dos senhores os resultados que a sociedade espera. Essa é a interferência: cobrar resultados, cobrar autonomia, responsabilidade", afirmou Mendonça.

A PF foi alvo de críticas esta semana após pedir ao Supremo Tribunal Federal (STF) para postergar ou cancelar operação contra bolsonaristas alegando risco à 'estabilidade de instituições'. 

Notícias relacionadas