Usamos cookies para personalizar e melhorar sua experiência em nosso site e aprimorar a oferta de anúncios para você. Visite nossa Política de Cookies para saber mais. Ao clicar em "aceitar" você concorda com o uso que fazemos dos cookies

Política

STJ adia julgamento de recurso de Flávio Bolsonaro para suspender investigação de 'rachadinhas'

Pedido já foi negado duas vezes pelo ministro Felix Fischer, em abril e maio deste ano.

[STJ adia julgamento de recurso de Flávio Bolsonaro para suspender investigação de 'rachadinhas' ]
Foto : Tânia Rêgo/Agência Brasil

Por Geovana Oliveira no dia 15 de Setembro de 2020 ⋅ 18:00

O ministro do Superior Tribunal de Justiça (STJ) Felix Fischer adiou, na tarde de hoje (15), o recurso da defesa do senador Flávio Bolsonaro (Republicanos-RJ) que pede para suspender a investigação sobre suposto esquema de "rachadinhas". 

O pedido já foi negado duas vezes pelo ministro Felix Fischer, em abril e maio deste ano. Com o adiamento, não há data para o caso ser retomado. 

Flávio Bolsonaro é investigado por suspeita de peculato, organização criminosa e lavagem de dinheiro em seu gabinete na Assembleia Legislativa do Rio de Janeiro (Alerj). 

A estimativa é que cerca de R$ 2,3 milhões tenham sido movimentados em um esquema de "rachadinha", no qual funcionários do então deputado devolviam parte do salário que recebiam na Alerj.

Notícias relacionadas