Saúde

Estudo da Oxford indica que, ao contrair Covid-19, imunidade pode durar seis meses

Pesquisa ainda não foi revisada de forma independente

[Estudo da Oxford indica que, ao contrair Covid-19, imunidade pode durar seis meses]
Foto : Camila Souza/GOVBA

Por Adele Robichez no dia 20 de Novembro de 2020 ⋅ 13:40

Uma estudo feito pela Universidade de Oxford, publicado hoje (20), apontou que as chances de infectados com Covid-19 serem novamente contagiados pelo vírus é muito baixa durante um período de pelo menos seis meses.

O estudo foi realizado a partir da observação feita por vários profissionais da saúde de que os casos de reinfecção são poucos em relação ao grande número de pessoas que já foram atingidas pela doença no mundo (51 milhões). Foram analisados, durante sete meses, testes regulares em 12.180 profissionais de saúde dos Hospitais Universitários de Oxford. 

A pesquisa divulgou que nenhum dos 1.246 funcionários com anticorpos desenvolveu uma infecção sintomática e apenas três apresentaram resultado positivo pela segunda vez, mas sem sintomas.

Pesquisa ainda não foi revisada de forma independente.

Notícias relacionadas