Usamos cookies para personalizar e melhorar sua experiência em nosso site e aprimorar a oferta de anúncios para você. Visite nossa Política de Cookies para saber mais. Ao clicar em "aceitar" você concorda com o uso que fazemos dos cookies

Saúde

OMS descarta imunidade coletiva para Covid-19 ainda em 2021

Pelo menos 60% da população mundial deve precisar ser imunizada para o conceito de "imunidade de rebanho" surtir efeito

[OMS descarta imunidade coletiva para Covid-19 ainda em 2021]
Foto : Divulgação/Governo de SP

Por Geovana Oliveira no dia 12 de Janeiro de 2021 ⋅ 19:00

Apesar das campanhas de vacinação em massa iniciadas por diversos países neste ano, a Organização Mundial da Saúde (OMS) alertou hoje (12) que a imunidade coletiva não será garantida em todo o mundo ainda em 2021. O uso de máscaras, o distanciamento e a higiene devem continuar fazendo parte do dia a dia da humanidade "pelo menos até o fim deste ano".

A chefe da equipe científica da OMS, Soumya Swaminathan, afirmou que a distribuição da vacina "leva tempo". "Não vamos atingir nenhum nível de imunidade da população, ou imunidade de rebanho em 2021", declarou em entrevista coletiva. 

Até 11 de janeiro, pouco mais de 28 milhões de pessoas foram vacinadas, o que representa apenas cerca de 0,4% da população mundial (7 bilhões). A estimativa para que o conceito de "imunidade de rebanho" (coletiva ou de grupo) comece a surtir efeito é que pelo menos 60% da população mundial precise ser imunizada.

Notícias relacionadas