Segunda-feira, 25 de outubro de 2021

Saúde

OMS afirma necessidade de terceira dose para Coronavac

Além da Coronavac, vacina da Sinopharm também precisa de terceira dose

OMS afirma necessidade de terceira dose para Coronavac

Foto: Rovena Rosa / Agência Brasil

Por: Metro1 no dia 12 de outubro de 2021 às 08:46

As vacinas contra a Covid-19 desenvolvidas pelos laboratórios chineses Sinovac e Sinopharm precisam ser administradas em três doses, informou a Organização Mundial da Saúde (OMS) na última segunda-feira (11). Ambas as vacinas são baseadas em vírus inativados. A Coronavac foi desenvolvida pela Sinovac.

A terceira dose para quem foi imunizado com a Coronavac já vem sendo administrada no Brasil, sendo os idosos a prioridade, assim como é recomendado pela OMS. Em Salvador, trabalhadores de saúde também já foram incluidos na administração da terceira dose.

Alejandro Cravioto, presidente do Grupo Assessor Estratégico de Especialistas da OMS, validou o uso das vacinas da Pfizer, Moderna, Janssen ou AstraZeneca como dose de reforço para quem recebeu vacinas da Sinovac e Sinopharm.

OMS afirma necessidade de terceira dose para Coronavac - Metro 1