Saúde

Cardiologista Nilzo Ribeiro pede seriedade ao lidar com coronavírus e alerta: 'Vai virar pandemônio'

Ele reclama que a desunião no enfrentamento ao problema no país só torna a situação ainda mais complicada.

[Cardiologista Nilzo Ribeiro pede seriedade ao lidar com coronavírus e alerta: 'Vai virar pandemônio']
Foto : Raul Golinelli/GovBA

Por Juliana Almirante no dia 06 de Abril de 2020 ⋅ 09:29

O médico cardiologista Nilzo Ribeiro alertou, em entrevista à Rádio Metrópole, para a necessidade de reconhecer e compreender a gravidade da crise do coronavírus 

“Nós vivemos momento grave e tenho impressão de que a coletividade, como um todo, não está entendendo a gravidade do problema. O problema é sério e temos que tratar com seriedade. Caso contrário, vai virar não uma pandemia, mas um pandemônio, uma loucura. Estou preocupado. Acho que o mundo como um todo faz coisas inadequadas. Nós, que podemos mais, temos que nos juntar e dizer que vamos usar o bom senso e criar caixa para lidar com essa doença. Porque os mais sofridos vão sofrer mais e o sofrimento tem limite. De uma hora para outra, a coisa fica problemática”, afirmou.

Ele reclama que a desunião no enfrentamento ao problema no país só torna a situação ainda mais complicada.

“O Brasil está em uma enrascada brutal, porque a desunião é uma doença como outra qualquer e isso não está permitindo enfrentar uma doença séria como essa pandemia do coronavírus. Eu diria que estou preocupado e fico mais preocupado ainda com o “Day After”, porque a sensação que eu tenho é de que se o Brasil está financeiramente e socialmente sofrido, ficará bem mais sofrido ainda”, declarou.

Notícias relacionadas

[Coronavírus: OMS suspende teste com hidroxicloroquina]
Saúde

Coronavírus: OMS suspende teste com hidroxicloroquina

Por Kamille Martinho no dia 25 de Maio de 2020 ⋅ 13:22 em Saúde

A decisão foi anunciada pelo diretor-geral da OMS, Tedros Ghebreyesus, depois da revista The Lancet publicar um estudo sobre os riscos do remédio