Saúde

Oxford e AstraZeneca retomam testes de vacina contra coronavírus

Decisão ocorre após agência reguladora do Reino Unido confirmar que retorno era seguro

[Oxford e AstraZeneca retomam testes de vacina contra coronavírus]
Foto : Getty Images

Por Lara Curcino no dia 12 de Setembro de 2020 ⋅ 11:14

Os testes com a vacina contra o coronavírus feitos pela AstraZeneca e pela Universidade de Oxford foram retomados no Reino Unido. A decisão ocorreu após a Autoridade Reguladora da Saúde de Medicamentos (MHRA) confirmar que o retorno era seguro. 

Os ensaios clínicos haviam sido interrompidos após uma voluntária apresentar graves efeitos adversos, sendo atingida por uma mielite transversa, síndrome inflamatória rara que afeta a medula espinhal e, em casos mais agudos, pode resultar em paralisia.

"O comitê do Reino Unido concluiu suas investigações e recomendou à MHRA que os ensaios no Reino Unido podem ser retomados com segurança. A AstraZeneca está comprometida com a segurança dos participantes do estudo e os mais altos padrões de conduta em estudos clínicos. A empresa continuará a trabalhar com as autoridades de saúde em todo o mundo e será orientada quanto a quando outros testes clínicos podem ser retomados para fornecer a vacina de forma ampla, equitativa e sem lucro durante esta pandemia", afirma a empresa responsável pelos testes, em comunicado.

Notícias relacionadas