Usamos cookies para personalizar e melhorar sua experiência em nosso site e aprimorar a oferta de anúncios para você. Visite nossa Política de Cookies para saber mais. Ao clicar em "aceitar" você concorda com o uso que fazemos dos cookies

Vida Alheia

Rubinho foi impedido de visitar Schumacher pela famĩlia do alemão

Rubens Barrichello revelou que foi impedido de visitar Michael Schumacher, seu ex-companheiro de Ferrari que sofreu um acidente de esqui em 2013 e segue em um tratamento misterioso. "Não tenho notícias dele", disse. [Leia mais...]

[Rubinho foi impedido de visitar Schumacher pela famĩlia do alemão]
Foto : Divulgação

Por James Martins no dia 19 de Abril de 2018 ⋅ 15:00

Rubens Barrichello revelou que foi impedido de visitar Michael Schumacher, seu ex-companheiro de Ferrari que sofreu um acidente de esqui em 2013 e segue em um tratamento misterioso. “Estou buscando meios de saber como é que posso visitá-lo. A primeira vez que tentei eles negaram, disseram ʹnão vai ser legal para você, e também não vai fazer nenhum bem para eleʹ. Não tenho notícias dele”, disse Rubinho no "Conversa com Bial", da TV Globo, na madrugada de hoje (19).

Na mesma entrevista, o ex-piloto relembrou o histórico GP da Áustria, em 2002, quando cumpriu ordens da Ferrari e cedeu a vitória a Schumacher, nos metros finais. “Esse dia, saí do pódio e não fui para a sala de imprensa porque fui passar mal. Vomitei muito de raiva”.

Barrichello disse que passou oito curvas refletindo se deixaria o alemão passar, mas, na hora "H", temeu perder o emprego: “Eu entrei na última curva decidido que eu não ia deixar. Mas pensei: ‘Eu amo tanto o que eu faço. Será que vou ser despedido?’ E eles disseram que eu deveria pensar duas vezes”.

Ele mostrou-se orgulhoso por ter ajudado a mudar as normas da Fórmula 1 (hoje as conversas entre piloto e equipe são gravadas e divulgadas). “Mudaram as regras por causa desse dia. Se você tivesse ouvido, iria sentir nojo. Tenho essa conversa anotada para botar em um livro um dia”, disse. E ainda contou que o troféu da corrida ficou com ele: “Todo mundo viu quem venceu, pegou mal para o Schumacher”.

Notícias relacionadas