Domingo, 15 de maio de 2022

Bahia

Sesab afirma que não vai cumprir orientação do Ministério da Saúde sobre não fazer reserva de segundas doses

Governo federal recomendou que todos os imunizantes recebidos pelos estados sejam utilizados como 1ª dose

Sesab afirma que não vai cumprir orientação do Ministério da Saúde sobre não fazer reserva de segundas doses

Foto: Fernando Vivas/GOVBA

Por: Adele Robichez no dia 22 de março de 2021 às 11:40

O governo da Bahia anunciou, na manhã de hoje (22), que não vai cumprir a orientação do Ministério da Saúde, que indica a utilização de todas as doses da vacina contra Covid-19 recebidas pelos estados como 1ª dose. De acordo com a Secretaria de Saúde do estado (Sesab), instrução da pasta federal está errada.

A Sesab comunicou que não seguirá a recomendação do governo federal porque ela vai contra o acordo anteriormente firmado em uma reunião técnica com estados e municípios, que preza pelo estoque de metade das vacinas para as segundas doses serem garantidas.

"A orientação correta a ser observada é a seguinte: somente as vacinas Coronavac/Butantan entregues nos dias 17 e 20 de março (8ª e 9ª pautas de distribuição) devem ser integralmente utilizadas como primeira dose, conforme acordado", afirmou a nota da secretaria.

Sesab afirma que não vai cumprir orientação do Ministério da Saúde sobre não fazer reserva de segundas doses - Metro 1