METROPOLE

Domingo, 09 de maio de 2021

Bahia

Indenização paga por farmácia banca UTI's nas Obras Sociais Irmã Dulce

Osid terá 30 dias para prestar contas das compras

Indenização paga por farmácia banca UTI's nas Obras Sociais Irmã Dulce

Foto: Reprodução

Por: Adele Robichez no dia 20 de abril de 2021 às 12:00

O Ministério Público do Trabalho (MPT) da Bahia liberou hoje (20) uma parte do valor da indenização paga pela rede de Farmácias Pague Menos, condenada por um incêndio causado por irregularidades na unidade de Camaçari, que deixou dez mortos e nove feridos. A ação irá permitir a compra de equipamentos hospitalares para Unidades de Terapia Intensiva (UTIs), centro cirúrgico e ambulatórios das Obras Sociais Irmã Dulce (Osid).

A rede foi penalisada com o pagamento de indenizações por danos morais coletivos no valor de R$2,7 milhões em setembro de 2020, além de ser obrigada a cumprir uma série de normas de saúde e segurança em todo o território nacional. Dentro deste valor, uma parte correspondente a R$700 mil é destinada à aquisição dos equipamentos para a Osid, que terá 30 dias para prestar as contas das compras.

Segundo informações do MPT-Ba ao Metro1, no dia 26 deste mês será feita uma reunião com a prefeitura de Camaçari para destinar o resto dos recursos para ONGs e projetos ligados a crianças e adolescentes no município. 

TV METRO

Entrevistas

Roberto Coelho

Em 07 de maio de 2021
ASSINE O CANALMETROPOLE NO YOUTUBE
Indenização paga por farmácia banca UTI's nas Obras Sociais Irmã Dulce - Metro 1