Sábado, 19 de junho de 2021

Bahia

Bahia deve receber 566.750 vacinas contra o coronavírus nesta sexta

Parte do lote corresponde a 128 mil doses de CoronaVac; Salvador espera acabar com crise segunda dose

Bahia deve receber 566.750 vacinas contra o coronavírus nesta sexta

Foto: Reprodução / Twitter Fábio Vilas-Boas

Por: Adele Robichez no dia 13 de maio de 2021 às 10:22

O secretário de Saúde do Estado da Bahia, Fábio Vilas-Boas, anunciou, nesta quinta-feira (13), que a Bahia deve receber um total de 566.750 vacinas contra o coronavírus nesta sexta-feira (14). Segundo a previsão, serão 438.750 doses do imunizante da Oxford/AstraZeneca e 128.000 de CoronaVac.

Em relação a remessa da CoronaVac, 60 a 70 mil doses devem ficar retidas em Salvador. A informação foi adiantada pelo prefeito Bruno Reis (DEM), em coletiva de imprensa, na última terça-feira (11). Segundo ele, a quantidade será suficiente para acabar com a crise da segunda dose do imunizante envasado pelo Instituto Butantan.

Por conta de uma orientação errada do Ministério da Saúde, a administração da capital baiana utilizou todas as doses da CoronaVac em primeiras aplicações, esperando receber um novo lote de vacinas, suficiente para dar continuidade à aplicação das segundas doses. Porém devido a um impasse no recebimento do IFA pelo Butantan, necessário para a produção das vacinas, a cidade ficou 18 dias sem receber nenhuma dose do imunizante.

A vacinação das segundas doses com a CoronaVac chegou a ser suspensa em Salvador e outras oito capitais brasileiras. Após receber uma nova remessa com apenas 9% da quantidade suficiente, a aplicação do reforço retornou apenas com agendamento prévio no site Hora Marcada. Nesta quarta-feira (12), as 3 mil fichas disponíveis acabaram e novos agendamentos só poderão ser feitos a partir da chegada de mais vacinas CoronaVac.

Bahia deve receber 566.750 vacinas contra o coronavírus nesta sexta - Metro 1