Terça-feira, 26 de outubro de 2021

Bahia

Comerciantes se recusam a cumprir decreto e protestam na região oeste

Empresários de Bom Jesus da Lapa fecharam a entrada do município na manhã desta quarta-feira (19)

Comerciantes se recusam a cumprir decreto e protestam na região oeste

Foto: Reprodução / Redes Sociais

Por: Juliana Rodrigues no dia 19 de maio de 2021 às 10:37

Os comerciantes da cidade de Bom Jesus da Lapa, a 796 km de Salvador, no oeste, se recusaram a obedecer o decreto que estabelece o lockdown parcial na cidade, com fechamento dos serviços não-essenciais.

Segundo informações da rádio Nova Lapa FM, parceira da Rádio Metropole, alguns comerciantes do centro da cidade chegaram a abrir suas lojas na manhã desta quarta-feira (19), mas agentes da Polícia Militar e da Guarda Civil Municipal os obrigaram a cumprir o decreto, o que causou tumulto. Após fecharem as lojas, os empresários interditaram a entrada da cidade.

Na segunda-feira (17), a prefeitura passou a seguir o decreto do governo do Estado que só permite o funcionamento dos serviços essenciais. A decisão, que se deve à alta no número de casos de Covid-19, foi questionada pelos empresários.

Bom Jesus da Lapa registra 3.888 casos confirmados de Covid-19 desde o início da pandemia, com 56 óbitos, segundo dados da Secretaria de Saúde do Estado (Sesab). A cidade tem 166 casos ativos e registrou 33 novas infecções em um mês, o que corresponde a uma alta de 24,8%.

Em nota, a Polícia Militar informou que agentes do 19º BPM realizaram rondas ostensivas em conjunto com a Guarda Municipal e a Vigilância Sanitária da cidade, para garantir o cumprimento dos decretos municipal e estadual. "Salientamos que a Polícia Militar atua apenas de forma a apoiar o poder público municipal na fiscalização do referido decreto. O comércio não essencial de Bom Jesus da Lapa permanece fechado", diz o comunicado.

Comerciantes se recusam a cumprir decreto e protestam na região oeste - Metro 1