Bahia

Bahia é 2º em arrecadação de ICMS, mas secretario destaca "paternalismo”

As ações para acabar com a sonegação fiscal na Bahia tem surtido efeito. O secretário da Fazenda do estado, Manoel Vitório afirmou que hoje a Bahia estáem segundo lugar,no país, na arrecadação de Imposto Sobre Circulação de Mercadorias e Serviços (ICMS), por causa do trabalho de combate às fraudes. [Leia mais...]

[Bahia é 2º em arrecadação de ICMS, mas secretario destaca
Foto : Tácio Moreira/ Metropress

Por Milene Rios e Matheus Morais no dia 09 de Março de 2016 ⋅ 08:48

As ações para acabar com a sonegação fiscal na Bahia têm surtido efeito. O secretário da Fazenda do estado, Manoel Vitório, afirmou, em entrevista à Rádio Metrópole, nesta quarta-feira (9), que hoje a Bahia está em segundo lugar, no país, na arrecadação de Imposto Sobre Circulação de Mercadorias e Serviços (ICMS), por causa do trabalho de combate às fraudes, mas que mesmo com o resultado positivo, o paternalismo ainda impera.

“Nós precisamos acabar com a cultura do paternalismo. Temos combatido a sonegação. O secretário da fazendo tem que ter a mente racional, temos a oportunidade de fazer justiça. Quando estamos num cargo público, temos essa oportunidade. O combate a sonegação tem nos rendido resultados fantásticos, somos o segundo lugar na arrecadação de ICMS, isso tudo com combate à sonegação", disse Vitório, afirmando ainda, que o estado earrecadou o dobro da média no país. 

"Nós ficamos atrás do Paraná em arrecadação e crescemos na arrecadação. Conseguimos arrecadar o dobro da média nacional. Mas nós tivemos muitas perdas nas transferências correntes", declarou. 

Notícias relacionadas

[Sobe para 147 número de casos de coronavírus na Bahia]
Bahia

Sobe para 147 número de casos de coronavírus na Bahia

Por Luciana Freire no dia 29 de Março de 2020 ⋅ 11:06 em Bahia

O secretário de Saúde do estado, Fabio Vilas-Boas confirmou também o primeiro óbito, "Estamos todos muito sentidos. Cada vida importa. Nossos sentimentos à família enluta...