METROPOLE

Sexta-feira, 14 de maio de 2021

Bahia

MP vai recorrer de decisão que mandou detentos de Feira para prisão domiciliar

Órgão afirmou que a liberação dos presos "coloca em risco a estabilidade da segurança pública"

MP vai recorrer de decisão que mandou detentos de Feira para prisão domiciliar

Foto: Reprodução/TV Subaé

Por: Juliana Rodrigues no dia 05 de outubro de 2018 às 13:40

O Ministério Público do Estado (MP-BA) informou hoje (5) que vai recorrer de todas as decisões judiciais que mandem detentos do regime semiaberto do Conjunto Penal de Feira de Santana, no centro-norte baiano, para a prisão domiciliar. Até o momento, 118 decisões já chegaram ao conhecimento do MP.

Segundo o jornal Correio, o promotor de Justiça Alex Santana Neves afirmou que a liberação dos internos “coloca em risco a estabilidade da segurança pública, na medida que representa o retorno precoce ao convívio social de sentenciados que não cumpriram integralmente as penas que lhes foram impostas”.

Os presos tiveram a mudança de regime decretada pelo juiz titular da Vara de Execuções Penais de Feira de Santana, Waldir Viana, em razão do descumprimento do Termo de Ajustamento de Conduta firmado entre o MP e a Secretaria de Administração Penitenciária e Ressocialização do Estado (Seap). Dos 94 detentos que foram para prisão domiciliar até segunda (1º), 37 respondem por roubo com uso de arma de fogo.

TV METRO

Entrevistas

Alice Portugal

Em 14 de maio de 2021
ASSINE O CANALMETROPOLE NO YOUTUBE
MP vai recorrer de decisão que mandou detentos de Feira para prisão domiciliar - Metro 1