Usamos cookies para personalizar e melhorar sua experiência em nosso site e aprimorar a oferta de anúncios para você. Visite nossa Política de Cookies para saber mais. Ao clicar em "aceitar" você concorda com o uso que fazemos dos cookies

Brasil

Ministério da Saúde pretende importar 10 milhões de doses da Sputnik V

Anvisa ainda precisa liberar o uso emergencial da vacina. 

[Ministério da Saúde pretende importar 10 milhões de doses da Sputnik V]
Foto : Divulgação

Por Geovana Oliveira no dia 05 de Fevereiro de 2021 ⋅ 15:00

O secretário-executivo do Ministério da Saúde, Elcio Franco, anunciou hoje (5) que pretende comprar 10 milhões da vacina contra a Covid-19, Sputnik V, importadas da Rússia. A Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa), no entanto, ainda precisa liberar o uso emergencial da vacina. 

O governo disse também que o preço precisa ser "competitivo". A farmacêutica União Química, empresa que produzirá a vacina russa no Brasil, informou que aguarda a resposta da Anvisa para para importar o primeiro lote com os 10 milhões de doses já em fevereiro.

O ministério informou ainda que, num momento posterior, pretende comprar doses da Sputnik V fabricadas pela União Química em território nacional.

Notícias relacionadas