Usamos cookies para personalizar e melhorar sua experiência em nosso site e aprimorar a oferta de anúncios para você. Visite nossa Política de Cookies para saber mais. Ao clicar em "aceitar" você concorda com o uso que fazemos dos cookies

Brasil

Brasil tenta doar 1 milhão de testes para Covid-19 perto da validade ao Haiti

Ministério da Saúde tenta repassar parte dos 5 milhões de testes que vão vencer a partir de abril deste ano

[Brasil tenta doar 1 milhão de testes para Covid-19 perto da validade ao Haiti ]
Foto : Najara Araujo/Câmara dos Deputados

Por Geovana Oliveira no dia 08 de Fevereiro de 2021 ⋅ 16:00

O Ministério da Saúde quer repassar para hospitais filantrópicos, Santas Casas, e, até para o Haiti, milhões de testes para Covid-19 que vão vencer a partir de abril deste ano. 

Dos cerca de 5 milhões de testes perto da data de validade guardados em um armazém federal, o goveno tenta doar 1 milhão para o Haiti. Uma equipe do ministro da Saúde, Eduardo Pazuello, está na capital do país, Porto Príncipe, para negociar a entrega e avaliar se o Haiti tem condições de receber o material.

Segundo o jornal O Estado de S. Paulo, o Itamaraty e o Ministério da Saúde afirmam que o governo haitiano pediu a doação dos testes. Não está claro, no entanto, se a quantidade ofertada foi proposta pelo Brasil ou pelo país caribenho.

Hospitais filantrópicos brasileiros também receberam a oferta da equipe de Pazuello para receber parte dos testes PCR, mas a Confederação das Santas Casas de Misericórdia, Hospitais e Entidades Filantrópicas (CMB) alertou que há o risco de os estoques terminarem no lixo.

“Os testes são necessários e bem-vindos, mas infelizmente nem todos os hospitais possuem equipamentos compatíveis para atender as especificações técnicas de análise do material coletado e leitura dos resultados do teste PCR.”, afirma a CMB, em nota, ao dizer que muitos hospitais devem rejeitar a proposta.

Notícias relacionadas