Domingo, 19 de setembro de 2021

Brasil

Dilma lamenta morte de Fernando Brant: “Cantou nosso povo”

Em nota divulgada neste sábado (13), a presidente Dilma Rousseff (PT) lamentou a morte do compositor mineiro Fernando Brant, de 68 anos. Ele morreu na noite desta sexta-feira (12). [Leia mais...]

Dilma lamenta morte de Fernando Brant: “Cantou nosso povo”

Foto: Reprodução/ Cultura Mais

Por: Matheus Morais no dia 13 de junho de 2015 às 15:31

Em nota divulgada neste sábado (13), a presidente Dilma Rousseff (PT) lamentou a morte do compositor mineiro Fernando Brant, de 68 anos. Ele morreu na noite desta sexta-feira (12) vítima de complicações geradas por um transplante de fígado, na cidade de Belo Horizonte, capital de Minas Gerais.
"Quero deixar meus sentimentos aos familiares, amigos e fãs da música e da poesia de Fernando Brant, lembrando um dos seus mais conhecidos versos: ‘Com a roupa encharcada e a alma/ Repleta de chão/ Todo artista tem de ir aonde o povo está’. Fernando cantou a nossa geração, o nosso povo e os nossos sonhos", disse Dilma.


Brant, que era mineiro, está sendo velado no saguão do Palácio das Artes, , em Belo Horizonte.  O enterro acontecerá na tarde deste sábado, no Cemitério do Bonfim,em Belo Horizonte..

 

Dilma lamenta morte de Fernando Brant: “Cantou nosso povo” - Metro 1