Usamos cookies para personalizar e melhorar sua experiência em nosso site e aprimorar a oferta de anúncios para você. Visite nossa Política de Cookies para saber mais. Ao clicar em "aceitar" você concorda com o uso que fazemos dos cookies

Brasil

Brumadinho: PF aponta que perfurações feitas pela Vale provocaram desmoronamento da barragem

As perfurações verticais teriam sido iniciadas cinco dias antes do rompimento

[Brumadinho: PF aponta que perfurações feitas pela Vale provocaram desmoronamento da barragem]
Foto : Isac Nóbrega/PR

Por Luciana Freire no dia 26 de Fevereiro de 2021 ⋅ 20:00

Uma perícia da Polícia Federal concluiu que perfurações feitas pela Vale na barragem da Mina Córrego do Feijão, em Brumadinho, foram o gatilho para o rompimento da estrutura. O acidente causou a morte de 270 pessoas em janeiro de 2019. Onze seguem desaparecidas.

Segundo a PF, as perfurações foram feitas com uso de uma máquina perfuratriz com injeção de água, o que dobrou a pressão na parte mais frágil da estrutura, causando o processo de liquefação — transformação do material sólido em lama. As informações foram divulgadas pelo site G1.

As perfurações verticais teriam sido iniciadas cinco dias antes do rompimento. A Vale afirma que o rompimento ocorreu por liquefação, mas que teria sido provocado devido a chuvas fortes e falta de drenagem.

Notícias relacionadas