Quarta-feira, 18 de maio de 2022

Brasil

Em meio a explosão da ômicron, Brasil tem queda na taxa de letalidade por Covid-19

Os dados reforçam a importância da imunização contra Covid-19. Porém, mesmo com a redução no percentual de mortes, prefeitos e governadores têm optado por decretar medidas restritivas novamente para frear o avanço da doença

Em meio a explosão da ômicron, Brasil tem queda na taxa de letalidade por Covid-19

Foto: Divulgação

Por: Metro1 no dia 21 de janeiro de 2022 às 08:27

O Brasil está vivendo uma explosão de novos casos de Covid-19. A maioria deles da variante ômicron - mais transmissível que as outras. Porém, o número de mortes não tem seguido no mesmo ritmo, pelo contrário. Segundo análise feita pela CNN, usando dados de novos casos e novas mortes pela doença entre dezembro de 2021 e janeiro de 2022, divulgados pelo Ministério da Saúde, a taxa de letalidade de Covid-19 caiu em 10 vezes nas primeiras semanas do novo ano.

Entre 1 e 18 de janeiro, foram registrados 924.373 novas infecções por Covid-19 no Brasil e 2.461 mortes. Neste período, a taxa de letalidade foi de 0,26%.

Em dezembro, entre os dias 1 e 18 daquele mês, o país contabilizou 117.884 novos casos e 3.073 novas mortes pela doença. A taxa de letalidade registrada foi de 2,61%.

Mesmo com a redução na taxa de letalidade da doença, prefeitos e governadores têm optado por decretar medidas restritivas novamente. Em Salvador, as Unidades de Pronto Atendimento (UPA) e gripários estão sofrendo com superlotação. O cenário não é o mesmo de meses atrás, quando eram os hospitais de campanha que estavam lotados, mas ainda assim está pressionando o sistema de saúde. 

Nesta sexta-feira (21), o decreto feito pelo governo da Bahia reduz o público em eventos para 1.500 pessoas, em razão do aumento de casos de Covid-19 no estado. Anteriormente, a permissão era de até 3 mil pessoas.

Em meio a explosão da ômicron, Brasil tem queda na taxa de letalidade por Covid-19 - Metro 1