Brasil

Governo decide fechar as 393 unidades do Farmácia Popular a partir de maio

O Ministério da Saúde informou que vai fechar, a partir de maio, as 393 unidades da rede própria do programa Farmácia Popular, de distribuição de medicamentos gratuitos ou com até 90% de desconto. [Leia mais...]

[Governo decide fechar as 393 unidades do Farmácia Popular a partir de maio ]
Foto : Reprodução / Wikipédia

Por Laura Lorenzo no dia 13 de Abril de 2017 ⋅ 09:59

O Ministério da Saúde informou que vai fechar, a partir de maio, as 393 unidades da rede própria do programa Farmácia Popular, de distribuição de medicamentos gratuitos ou com até 90% de desconto. Após o fechamento, os produtos serão distribuídos unicamente pela rede de farmácias conveniadas.

Mesmo assim, ainda existe a preocupação com pacientes que procuram remédios específicos que não são encontrados em estabelecimentos conveniados. Na rede própria, são oferecidos, atualmente, 112 medicamentos; já nas drogarias com desconto são disponibilizados apenas 32 remédios.

De acordo com o Ministério de Saúde, quase 90% das pessoas procuram remédios para hipertensão, diabetes e asma, disponíveis também nas outras farmácias. Ainda segundo a pasta, o paciente que precisa tomar remédios indisponíveis na rede particular terá que procurar uma unidade básica de saúde ou clínica da família para “descobrir” onde conseguir o remédio.

O governo federal justificou a desativação da rede própria alegando que vai gerar economia de aproximadamente R$ 80 milhões, e que os recursos economizados serão repassados à compra de medicamentos.

Notícias relacionadas

[Michelle Bolsonaro pede outro lugar para trabalhar]
Brasil

Michelle Bolsonaro pede outro lugar para trabalhar

Por Luciana Freire no dia 18 de Fevereiro de 2020 ⋅ 17:20 em Brasil

Após repercussão com desmonte de biblioteca, um novo local está sendo providenciado para abrigar a primeira-dama e sua equipe

[Fila do Bolsa Família já tem 3,5 milhões de pessoas]
Brasil

Fila do Bolsa Família já tem 3,5 milhões de pessoas

Por Kamille Martinho no dia 18 de Fevereiro de 2020 ⋅ 16:40 em Brasil

No final de janeiro, o Ministério da Cidadania informou que a lista de pedidos para entrar no programa seria três vezes menor: 494 mil famílias

[Moro vai pintar presídios com frase: 'Diga não à facção']
Brasil

Moro vai pintar presídios com frase: 'Diga não à facção'

Por Juliana Almirante no dia 18 de Fevereiro de 2020 ⋅ 13:20 em Brasil

Ideia é alertar presos de que, segundo a recém-aprovada lei anticrime, o detento que tem vínculo com organização criminosa não pode ser beneficiado com progressão de regi...