Brasil

Passageiros deixam avião após oficial de Justiça impedir voo por dívidas da Avianca

O voo estava marcado para as 19h e partiria de Brasília em direção a Congonhas, São Paulo

[Passageiros deixam avião após oficial de Justiça impedir voo por dívidas da Avianca]
Foto : Divulgação

Por Juliana Rodrigues no dia 05 de Abril de 2019 ⋅ 08:40

Os passageiros e a tripulação do voo 6173 da Avianca Brasil tiveram de descer de um avião na noite de ontem (4), no aeroporto de Brasília, após a Justiça pedir execução do arresto da aeronave.

A decolagem foi impedida por um oficial de Justiça, que cumpriu  uma ordem judicial que atende ao pedido de um dos credores da companhia para reaver a aeronave. O voo estava marcado para as 19h, em direção a Congonhas, São Paulo.

O caso aconteceu quando dois arrendadores conseguiram liminar para a apreensão de aeronaves, e duas delas estavam em Brasília, no aeroporto Juscelino Kubitschek. A Avianca conseguiu a suspensão das decisões, mas o oficial já tinha se deslocado para o aeroporto.

No final da noite de ontem, o voo foi remarcado pela segunda vez, para 0h30. Inicialmente, a administração do aeroporto havia dito que a saída seria às 22h. Um dos passageiros informou à Folha que eles embarcaram às 18h30 e tiveram de sair da aeronave por volta das 20h.

A Avianca Brasil está em recuperação judicial desde dezembro passado. Em nota, a empresa informou que tomou as medidas necessárias, que os passageiros impactados estão sendo atendidos e que segue operando normalmente.

Notícias relacionadas

[Mega-Sena sorteia R$ 3 mi hoje]
Brasil

Mega-Sena sorteia R$ 3 mi hoje

Por Lara Curcino no dia 19 de Outubro de 2019 ⋅ 10:27 em Brasil

Concurso será às 20h; apostas podem ser feitas até 19h