Usamos cookies para personalizar e melhorar sua experiência em nosso site e aprimorar a oferta de anúncios para você. Visite nossa Política de Cookies para saber mais. Ao clicar em "aceitar" você concorda com o uso que fazemos dos cookies

Brasil

Centrais sindicais organizam protestos contra 'pacote de maldades'

Entidades como CUT e Força Sindical se opõem a medidas econômicas do governo de Jair Bolsonaro

[Centrais sindicais organizam protestos contra 'pacote de maldades']
Foto : Rovena Rosa / Agência Brasil

Por Juliana Rodrigues no dia 13 de Novembro de 2019 ⋅ 09:00

Oito centrais sindicais, entre elas a CUT, a Força Sindical e a UGT, protestam em São Paulo, na manhã de hoje (13), contra o desemprego, o pacote econômico do governo lançado na semana passada e as mudanças provocadas pelo programa Verde Amarelo, que inclui medidas vistas como uma nova reforma trabalhista. Entre outros pontos, o programa propõe taxar trabalhadores que estão no seguro-desemprego e derruba a necessidade de registro para algumas profissões.

“O programa deve gerar empregos, sim, mas empregos que não vão sustentar o crescimento do País, além de retirarem vários direitos dos trabalhadores”, afirmou João Carlos Gonçalves, o Juruna, secretário-geral da Força Sindical, ao Estadão. Ele avalia que o Brasil precisa de políticas claras para as indústrias e para a infraestrutura para atrair investimentos.

Segundo Juruna, o protesto desta manhã no centro de São Paulo é o primeiro de uma série de manifestações que acontecerão em várias capitais. “É um ato unitário contra o pacote de maldades que prejudica a classe trabalhadora e os mais pobres” , disse.

Notícias relacionadas