Brasil

Datafolha: maioria da população defende que escolas devem continuar fechadas

Apesar de a maioria da população (52%) concordar com a reabertura do comércio, uma proporção bem menor (21%) defende a reabertura das escolas

[Datafolha: maioria da população defende que escolas devem continuar fechadas]
Foto : Secretaria de Educação da Bahia

Por Matheus Simoni no dia 27 de Junho de 2020 ⋅ 12:30

A maioria da população defende que as escolas devem continuar fechadas nos próximos dois meses por causa da pandemia do coronavírus. É o que aponta a pesquisa Datafolha divulgada nesta semana. Em todas as faixas etárias e de renda e em todas as regiões do país, a maioria da população defende que as aulas presenciais ainda não sejam retomadas.

A margem de erro é de dois pontos percentuais, para mais ou para menos. O Datafolha ouviu 2.016 pessoas de todo o país na terça (23) e na quarta (24) por telefone, modelo que evita o contato pessoal entre pesquisadores e entrevistados e exige questionários mais rápidos.

O resultado da pesquisa mostra que, apesar de a maioria da população (52%) concordar com a reabertura do comércio em estados e municípios neste momento da pandemia, uma proporção bem menor (21%) defende a reabertura das escolas.

Para especialistas em educação e infectologistas, o pouco apoio para a retomada das aulas presenciais pode ser pelo temor de que os alunos não sigam as regras de distanciamento, devido à infraestrutura das escolas ou por causa dos deslocamentos necessários para chegar às escolas.

Confira os dados da pesquisa:

  • 21% acreditam que as escolas deveriam ser reabertas
  • 76% acham que as escolas deveriam continuar fechadas
  • 2% não sabem

O Datafolha aponta que não há diferença significativa na opinião entre as faixas de renda familiar. Entre as pessoas que têm renda familiar de até 2 salários mínimos, 77% defendem que as escolas continuem fechadas. Já entre os que ganham mais de 10 salários mínimos o percentual é de 73%.

A situação também se repete entre os tipos de municípios: para 77% dos entrevistados que moram na região metropolitana, as escolas não devem abrir agora. No interior, o percentual é de 76%.

Segundo o Datafolha, a principal diferença de opinião aparece na segmentação de avaliação do presidente Jair Bolsonaro (sem partido).

A pesquisa foi realizada nos dias 23 e 24 de junho e ouviu 2.016 pessoas de todo o país por telefone. A margem de erro é de dois pontos percentuais, para mais ou para menos.

Entre os ouvidos que consideram Bolsonaro ótimo ou bom, as respostas foram:

  • 38% acreditam que as escolas deveriam ser reabertas
  • 60% disseram que as escolas deveriam continuar fechadas
  • 2% não sabem

Entre os participantes que consideram o presidente regular:

  • 23% acreditam que as escolas deveriam ser reabertas
  • 75% responderam que as escolas deveriam continuar fechadas
  • 2% não sabem

Entre quem acha Bolsonaro ruim ou péssimo:

  • 9% acreditam que as escolas deveriam ser reabertas
  • 89% disseram que as escolas deveriam continuar fechadas
  • 2% não sabem

Uma maior diferença também aparece entre sexos.

Entre o sexo masculino:

  • 26% disseram que as escolas deveriam ser reabertas
  • 71% responderam que as escolas deveriam continuar fechadas

Entre o sexo feminino:

  • 18% disseram que as escolas deveriam ser reabertas
  • 81% responderam que as escolas deveriam continuar fechadas

 

Notícias relacionadas

[Ex-governador de Sergipe morre aos 79 anos]
Brasil

Ex-governador de Sergipe morre aos 79 anos

Por Adele Robichez no dia 25 de Novembro de 2020 ⋅ 11:30 em Brasil

João Alves Filho estava internado em estado grave no Hospital Sírio Libanês, em Brasília, após sofrer parada cardíaca