Usamos cookies para personalizar e melhorar sua experiência em nosso site e aprimorar a oferta de anúncios para você. Visite nossa Política de Cookies para saber mais. Ao clicar em "aceitar" você concorda com o uso que fazemos dos cookies

Cidade

Lavagem de Itapuã tem mudanças em 2021 por causa da pandemia de Covid-19

Festa tradicional não acontecerá neste ano e Prefeitura adota medidas de prevenção no bairro

[Lavagem de Itapuã tem mudanças em 2021 por causa da pandemia de Covid-19]
Foto : Bruno Concha/Secom

Por Metro1 no dia 03 de Fevereiro de 2021 ⋅ 16:20

Assim como as demais festas populares de 2021, a tradicional Lavagem de Itapuã não vai acontecer neste ano devido à pandemia da Covid-19. A Prefeitura vai adotar amanhã (4) medidas de prevenção para evitar possíveis aglomerações no bairro e a transmissão do coronavírus.

Os bares, restaurantes, pizzarias, temakerias, sorveterias, docerias, cafeterias e similares do bairro só poderão funcionar no período das 11h até 0h, sem comercialização e entrega de alimentos e bebidas para pessoas que estiverem em pé, tanto nas áreas internas quanto nas áreas externas dos estabelecimentos. As áreas externas destes estabelecimentos também deverão ser delimitadas com barreiras físicas. 

Na área de trânsito e transporte, não haverá qualquer alteração ou bloqueio nas vias e itinerários – sendo assim, os motoristas poderão trafegar normalmente em Itapuã. 

Já a partir da madrugada da quinta (4) até 7h da sexta-feira (5), não será permitida a comercialização e o consumo de bebida alcoólica em postos de combustíveis, delicatessens, panificadoras e similares. Também ficam proibidas as atividades do comércio informal e ambulante, assim como a realização de qualquer ação que implique em emissão sonora, através de quaisquer equipamentos, dentre os quais carros de som. 

Não será permitida, ainda, a realização de cortejos, carreatas e caminhadas que estimulem aglomerações. Por fim, está proibida a realização de eventos sociais como festas, aniversários, apresentações artísticas, casamentos e afins. 

Para garantir a cumprimento das determinações, será realizada uma força-tarefa municipal envolvendo agentes das secretarias de Ordem Pública (Semop) e Desenvolvimento Urbano (Sedur), Guarda Civil Municipal (GCM) e Superintendência de Trânsito de Salvador (Transalvador), com apoio da Polícia Militar (PM-BA).
 

Notícias relacionadas