Quarta-feira, 08 de dezembro de 2021

Cidade

Projeto quer 'disque-machismo' para orientar homens sobre violência doméstica em Salvador

Iniciativa pretende minimizar práticas de violência doméstica

Projeto quer 'disque-machismo' para orientar homens sobre violência doméstica em Salvador

Foto: Divulgação

Por: Geovana Oliveira no dia 25 de outubro de 2021 às 15:26

Um projeto que corre na Câmara Municipal de Salvador apresenta uma iniciativa diferente para combater o machismo: uma linha telefônica gratuita para escuta de homens. O Projeto de Indicação nº 561/2021 é do vereador Luiz Carlos Suíca (PT) e ainda precisa ser votado no plenário. 

A intenção é orientar os homens sobre masculinidade tóxica e tentar diminuir as práticas de violência doméstica, que aumentaram durante a pandemia — da março até junho de 2020 as denúncias ao 180 subiram em 40%. 

A iniciativa destaca que não deseja tornar os homens vítimas ou desresponsabilizá-los de atos violentos que cometam contra uma mulher, mas que pretende somar as políticas públicas voltadas às mulheres, integrado a uma abordagem pedagógica, com o intuito de "prevenir a violência sexista por meio da compreensão e da atenção às suas causas".

Um projeto semelhante já acontece em Bogotá, capital da Colômbia. A linha Calma atendeu quase 2 mil homens em dez meses de existência. Destes, cerca de 10% passou por um número limitado de sessões gratuitas e personalizadas às quais têm direito apenas por estarem dispostos a analisar suas emoções, pensamentos e atitudes machistas.

No Brasil e em outros países da América Latina, como Argentina, México e Peru, existem programas de assistência a homens que cometem violência de gênero, mas a maioria foca em agressores condenados para evitar a reincidência.

Projeto quer 'disque-machismo' para orientar homens sobre violência doméstica em Salvador - Metro 1