Quinta-feira, 19 de maio de 2022

Cidade

Por verbas rescisórias, ex-funcionários da CSN fazem protesto na Estação Mussurunga

Grupo saiu da Estação Mussurunga em direção à Avenida Luis Viana Filho, à Paralela, causando congestionamentos

Por verbas rescisórias, ex-funcionários da CSN fazem protesto na Estação Mussurunga

Foto: Leitor Metro1

Por: Adele Robichez no dia 25 de janeiro de 2022 às 15:51

O Sindicato dos Rodoviários realizou, na tarde desta terça-feira (25), um protesto para reivindicar os direitos dos ex-funcionários da falida Concessionária Salvador Norte (CSN). Ainda sem o recebimento dos pagamentos, os trabalhadores demitidos saíram da Estação Mussurunga e foram até o primeiro ponto de ônibus depois da Unijorge, na Avenida Luis Viana Filho, à Paralela.

Na ação, os condutores encostaram os ônibus na faixa à extrema direita das vias, o que causou congestionamentos na região da última parada. O vice-presidente do sindicato, Fábio Primo, afirmou que até hoje, 800 ex-funcionários continuam desempregados e não receberam as verbas rescisórias: salário, férias, 13º salário, FGTS e seguro desemprego.

"Fizemos o protesto em solidariedade aos companheiros da extinta CSN, que ainda não receberam as suas recisões e também não voltaram a trabalhar", disse Primo. 

Agora, a categoria espera uma convocação da Prefeitura de Salvador para cobrar o pagamento dos direitos trabalhistas pendentes. "Caso não aconteça a conversa com a prefeitura, faremos novas ações", crava o vice-presidente do grupo.

Em dissonância com a organização, a adminstração municipal alega ter contratado a totalidade dos ex-funcionários da CSN.

Por verbas rescisórias, ex-funcionários da CSN fazem protesto na Estação Mussurunga - Metro 1