Cidade

Detran defende redução no valor do DPVAT para “cinquentinhas”

O Detran-BA defendeu a redução no valor do seguro obrigatório (DPVAT) para ciclomotores, que hoje é de R$ 134,66. Os proprietários de motos "cinquentinhas" estiveram entre os temas debatidos no 52º Encontro Nacional dos Departamentos Estaduais de Trânsito (Detrans), nesta quinta-feira (17), em São Paulo [Leia mais...]

[Detran defende redução no valor do DPVAT para “cinquentinhas”]
Foto : Divulgação/ Detran

Por Alaine Brasil no dia 17 de Março de 2016 ⋅ 15:51

O Detran-BA defendeu a redução no valor do seguro obrigatório (DPVAT) para ciclomotores, que hoje é de R$ 134,66. Os proprietários de motos "cinquentinhas" estiveram entre os temas debatidos no 52º Encontro Nacional dos Departamentos Estaduais de Trânsito (Detrans), nesta quinta-feira (17), em São Paulo.

Segundo Lúcio Gomes, diretor-geral do Detran-BA, a medida visa desonerar os donos desse tipo de moto, que passaram a pagar pelo emplacamento e licenciamento do veículo."Existe uma desproporção entres os valores das cinquentinhas e do DPVAT, que precisa ser corrigida. As pessoas que possuem essa moto são de baixa renda. Vamos provocar o Conselho Nacional de Seguro Privado para baixar o valor cobrado", afirmou.

O encontro discutiu também mais rigor na fiscalização de empresas de placas e desmanche, além da entrada em vigor, em janeiro de 2017, do novo modelo de placa veicular seguindo o padrão Mercosul.

 

Notícias relacionadas

[Lancha pega fogo na Baía de Todos-os-Santos]
Cidade

Lancha pega fogo na Baía de Todos-os-Santos

Por Juliana Almirante/ Juliana Rodrigues no dia 20 de Setembro de 2019 ⋅ 08:00 em Cidade

De acordo com a assessoria do Comando do 2º Distrito Naval, a Capitania dos Portos foi acionada e ainda apura informações

[Mercado Municipal de Cajazeiras: 2 anos em reforma ]
Cidade

Mercado Municipal de Cajazeiras: 2 anos em reforma 

Por Alexandre Galvão no dia 19 de Setembro de 2019 ⋅ 09:00 em Cidade

A Superintendência de Obras Públicas (Sucop) não respondeu, mas o Diário Oficial do Município denunciou: a empresa vencedora da licitação foi a Qualy Engenharia