Cidade

'Veterinário gosta de dinheiro, não é de bicho', dispara Marcell após cassação

O plenário do TSE decidiu cassar por unanimidade o mandato do parlamentar e torná-lo inelegível por oito anos por abuso do poder econômico, além de determinar que os mais de 64.219 votos obtidos por ele seja anulado

['Veterinário gosta de dinheiro, não é de bicho', dispara Marcell após cassação]
Foto : Matheus Simoni/Metropress

Por João Brandão no dia 28 de Outubro de 2020 ⋅ 18:32

O deputado estadual Marcell Moraes (PSDB), que foi cassado ontem (27) pelo Tribunal Superior Eleitoral (TSE), disse hoje (28) na Rádio Metrópole que "os veterinários gostam de dinheiro, não de bicho".

"A castração custava R$ 800, e agora é de graça. Agora vem o Hospital Público Veterinário. O prefeito ACM Neto, junto com o ptojeto de minha irmã, vai entregar no final do ano. Os veterinários vão ficar loucos. Novo hospital para calar a boca desses gananciosos", disparou.

O plenário do TSE decidiu cassar por unanimidade o mandato do parlamentar e torná-lo inelegível por oito anos por abuso do poder econômico, além de determinar que os mais de 64.219 votos obtidos por ele seja anulado. Marcel Moraes foi alvo de uma denúncia do Conselho Regional Veterinário da Bahia (CRV-BA) pela participação na realização de mutirões de vacinação e castração promovida pela a ONG GEAMO (Grupo Ecológico Amigos da Onça) em diversas cidades do estado, de junho a agosto de 2018, sem seguir regras sanitárias e com distribuição de publicidade ligada ao seu mandato.

Notícias relacionadas