Editorial

MK aponta 'sinais políticos' de afastamento de Paulo Guedes do governo; ouça

Em comentário na Rádio Metrópole, Mário Kertész também lamentou os incêndios na Amazônia e no Pantanal

[MK aponta 'sinais políticos' de afastamento de Paulo Guedes do governo; ouça]
Foto : Matheus Simoni / Metropress

Por Metro1 no dia 16 de Setembro de 2020 ⋅ 08:47

Em comentário na Rádio Metrópole, na manhã de hoje (16), Mário Kertész falou sobre o mais recente desentendimento entre o presidente Jair Bolsonaro e a equipe econômica do governo, que levou ao anúncio da extinção do Renda Brasil, programa social que substituiria o Bolsa Família. Ele ironizou a declaração do ministro da Economia, Paulo Guedes, que negou ser o alvo do "cartão vermelho" do presidente.

"Eu vi o presidente Bolsonaro ontem... Aí, até eu gostei, ele soltou as tamancas, numa irritação... Ainda bem que ele não quis jogar toda a responsabilidade para a imprensa. (...) No sábado, o secretário encarregado desses assuntos deu uma entrevista ao G1, falando sobre esse plano de congelar aposentadorias e benefícios para aumentar o valor do Bolsa Família, que passaria a se chamar Renda Brasil. Aí, o presidente, com razão, disse que não ia ter mais isso e disse que quem fez isso merece um cartão vermelho. Logo em seguida Guedes foi conversar com Bolsonaro. Guedes disse, na maior cara de pau, que o cartão vermelho não foi pra ele. Superministro, com tantas secretarias, tantas coisas... Pra quem é que foi? Pra minha avó, só pode. Os sinais políticos são cada vez mais fortes de que Bolsonaro está dando uma bela afastada de Paulo Guedes", disse.

MK também lamentou os incêndios na Amazônia e no Pantanal, sem deixar de frisar que os desastres ambientais são decorrentes da política do governo Bolsonaro. "É um negócio absurdo, rapaz, isso, e faz parte da política daquele bonitinho mas ordinário, o cidadão Ricardo Salles, de tratar o meio ambiente como uma coisa sem importância. A repercussão internacional, inclusive em termos de investidores que estão se afastando do Brasil por conta disso, parece que agora começa a sensibilizar o governo brasileiro. Agora, a bagaceira é grande", pontuou.

Ouça o comentário completo:

Notícias relacionadas

[MK comenta denúncias contra Marinho e Paes; ouça]
Editorial

MK comenta denúncias contra Marinho e Paes; ouça

Por Metro1 no dia 09 de Setembro de 2020 ⋅ 08:32 em Editorial

Em comentário na Rádio Metrópole, Mário Kertész avaliou que o uso de investigações como retaliação política "mostra os tempos que nós estamos vivendo"