Esportes

Caíque brilha nos pênaltis contra o Inter e Vitória avança na Copa do Brasil

O Vitória recebeu na noite de hoje (19) a equipe do Internacional no Barradão para tentar garantir a vaga nas oitavas de final da Copa do Brasil. Depois de perder o primeiro confronto por 2 a 1, o rubro-negro tinha a missão de vencer por dois gols de diferença para despachar a equipe colorada. [Leia mais...]

[Caíque brilha nos pênaltis contra o Inter e Vitória avança na Copa do Brasil]
Foto : Divulgação/ECV/Maurícia da Matta

Por Matheus Simoni no dia 19 de Abril de 2018 ⋅ 21:29

O Vitória recebeu na noite de hoje (19) a equipe do Internacional no Barradão para tentar garantir a vaga nas oitavas de final da Copa do Brasil. Depois de perder o primeiro confronto por 2 a 1, o rubro-negro tinha a missão de vencer por dois gols de diferença para despachar a equipe colorada. Porém, o Leão da Barra conseguiu apenas fazer um gol e levou a disputa para os pênaltis.

Com brilho de Caíque, o time rubro-negro fez 4 a 3 e se classificou para as oitavas. O próximo adversário do Vitória será definido por sorteio. No domingo (22), a equipe volta a campo para enfrentar o Atlético-MG, na Arena Independência, em Belo Horizonte, às 16h, pela segunda rodada do Brasileirão da Série A.

A história do jogo - Sob forte chuva no Barradão, o Vitória tentou atacar o time gaúcho para abrir o marcador ainda no primeiro tempo. No entanto, a equipe comandada pelo técnico Vagner Mancini voltou a bater cabeça e não conseguiu ameaçar a meta defendida pelo goleiro Marcelo Lomba. Já o Internacional teve as melhores chances. William Pottker ameaçou em iniciativa ofensiva no lado esquerdo. O atacante tentou por cobertura, mas Caíque fez boa defesa e afastou. No rebote, Nico López mandou rasteiro e o arqueiro rubro-negro impediu o gol colorado com os pés.

No segundo tempo, o time da casa voltou mais ofensivo e controlando as ações no ataque. Com boas chegadas de Rhayner, o Vitória tentava abrir o placar para garantir que o jogo fosse para os pênaltis. No entanto, o Leão voltava a esbarrar na falta de pontaria. Muitos passes errados e chances desperdiçadas iam tirando o torcedor do sério. Até que, após lançamento para área, Kanu foi derrubado por Iago na área e o árbitro marcou pênalti. Na cobrança, Neilton deslocou Lomba e fez o primeiro gol da partida.

O time seguiu pressionando para tentar marcar o segundo e fazer o resultado necessário para se classificar sem as cobranças de pênaltis. O Inter chegou a ameaçar em cobrança de falta de longe, mas Caíque fez boa defesa. Após o apito final, a partida foi para os pênaltis.

O goleiro Caíque se destacou e defendeu duas cobranças. No lado do Vitória, apenas Nickson perdeu a cobrança após Marcelo Lomba defender. Denilson, Uillian Correia, José Welison e Neilton fizeram para o Leão. Camilo, Fabiano e Patrick converteram para o lado Colorado.

Notícias relacionadas