Justiça

Mulher é condenada após chamar colega de 'macaca' em faculdade particular de Salvador

Acusada deve cumprir pena de reclusão de um ano e quatro meses, convertida em serviços prestados à comunidade

[Mulher é condenada após chamar colega de 'macaca' em faculdade particular de Salvador]
Foto : Divulgação/ Faculdade Dois de Julho

Por Juliana Almirante no dia 24 de Agosto de 2019 ⋅ 20:00

A Justiça condenou a estudante de Direito Vera Lúcia Santos Barbosa por ter chamado a colega Jéssica Pimentel da Silva de “macaca”, dentro da Faculdade Dois de Julho, em Salvador.

A vítima registrou a queixa de injúria racial em junho de 2016. A sentença só saiu na semana passada.

Vera Lúcia foi condenada ao pagamento de uma multa no valor de R$ 2 mil e a pena de reclusão de um ano e quatro meses, convertida em serviços prestados à comunidade. 

“Não tinha dúvida quanto à condenação. O julgamento foi até rápido”, declarou Jéssica ao Correio.

A agressão ocorreu quando a vítima esperava em uma fila para pagar a mensalidade do curso. Na época, Jéssica fez um relato em redes sociais para denunciar o que aconteceu.

"Não podemos permitir que pessoas com esse tipo de conduta permaneçam impunes", escreveu a vítima.

Notícias relacionadas