Justiça

PGR pede ao STJ que investigações de assassinatos em Rondônia sejam federalizadas

O requerimento foi feito por Dodge, que deixa na terça o mandato

[PGR pede ao STJ que investigações de assassinatos em Rondônia sejam federalizadas]
Foto : Marcelo Camargo/Agência Brasil

Por Lara Curcino no dia 15 de Setembro de 2019 ⋅ 15:00

A Procuradoria-Geral da República (PGR) pediu ao Superior Tribunal de Justiça (STJ) que as investigações do assassinato de líderes comunitários em Rondônia sejam federalizadas.

As vítimas haviam denunciado a grilagem de terras e a exploração ilegal de madeira no estado. No requerimento, a procuradora-geral, Raquel Dodge, que deixa o cargo na próxima terça-feira (17), citou mais de casos de homicídio e tortura de personalidades que defendiam os trabalhadores rurais.

As ocorrências ocorreram entre 2009 e 2016. Dodge afirma que há suspeitas de envolvimento de agentes locais da segurança pública nos crimes, o que seria o motivo para que estivessem há tanto tempo sem serem solucionados.

Notícias relacionadas