Mundo

Trump prepara plano de ação com sanções contra a China

O governo Trump planeja punir a China por roubo de propriedade intelectual, com sanções que podem chegar a US$ 30 bilhões anuais. O pacote de ações ainda inclui a retenção de investimento no país, entraves para a emissão de vistos para pesquisadores chineses e confrontos diretos na OMC sobre práticas comerciais chinesas. [Leia mais...]

[Trump prepara plano de ação com sanções contra a China]
Foto : Shealah Craighead / White House

Por Marina Hortélio no dia 17 de Março de 2018 ⋅ 21:02

O governo Trump planeja punir a China por roubo de propriedade intelectual. Segundo o jornal americano The New York Times, as sanções podem chegar a US$ 30 bilhões anuais. O pacote de ações ainda inclui a retenção de investimento no país, entraves para a emissão de vistos para pesquisadores chineses e confrontos diretos na OMC sobre práticas comerciais chinesas.

Ainda segundo o NYT, o representante de Comércio dos Estados Unidos, Robert Lighthizer, se reuniu com Trump na semana passada para apresentar um plano de importações chinesas que pode reverter o prejuízo de US$ 30 bilhões que o “roubo de tecnologia americana” por parte da China impõe as empresas dos Estados Unidos. As investigações sobre as práticas comercias chinesas começaram oficialmente em agosto.

A china iniciou em 2015 o “Made In China”, um plano que visava desenvolver setores específicos da indústria nacional, como a tecnologia da informação, os veículos híbridos e o equipamento aeroespacial. O novo pacote de ações de Trump pretende barrar esse planejamento do gigante asiático. De acordo com a publicação, a ideia para atingir a China tem amplo apoio.

Em concomitância com o novo plano de ataque, o Congresso americano avalia o reforço do controle nacional de segurança no investimento chinês.

Notícias relacionadas