Mundo

Trump adverte China sobre uma "extrema forma de retaliação"

China declarou disposição para tomar medidas em relação ao plano de tarifas na importação imposto pelos EUA

[Trump adverte China sobre uma
Foto : Joyce N. Boghosian

Por Danielle Campos no dia 16 de Agosto de 2019 ⋅ 20:30

O presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, disse nesta quinta-feira (15), que a China está a frente de uma "extrema forma de retaliação", caso caminhe em direção à uma vingança em razão do plano dos Estados Unidos (EUA) de impor tarifas adicionais sobre importações de produtos chineses.

O plano se refere à aplicação de tarifas de 10% sobre um adicional de US$ 300 bilhões em importações de produtos da China, em duas fases. A primeira seria iniciada no dia 1º de setembro, e a outra no dia 15 de dezembro. O governo chinês manifestou sua disposição em tomar "medidas necessárias" contra os EUA.

Trump afirmou que não acredita em uma ação contrária da China, e que a "guerra comercial" não deverá durar muito tempo, pois "quanto mais tempo durar, a China ficará mais fraca e os Estados Unidos mais fortes". Sobre a situação de Hong Kong, onde continuam os protestos, o presidente americano se declarou preocupado e contrário à uma "repressão violenta".

Notícias relacionadas