Polícia

Assassino de compositor mandou fotos do corpo e áudio para família pelo WhatsApp

O cantor e compositor Felipe Yves foi assassinado na última segunda-feira (6) no bairro da Boca da Mata, em Salvador, e de acordo com com um amigo da vítima, o assassino teria mandado um áudio pelo WhatsApp para a família do jovem anunciando o crime, além de imagens do corpo do rapaz morto. [Leia mais...]

[Assassino de compositor mandou fotos do corpo e áudio para família pelo WhatsApp]
Foto : Reprodução /Facebook

Por Laura Lorenzo no dia 07 de Março de 2017 ⋅ 17:48

O cantor e compositor Felipe Yves foi assassinado na última segunda-feira (6) no bairro da Boca da Mata, em Salvador, e de acordo com com um amigo da vítima, o assassino teria mandado um áudio pelo WhatsApp para a família do jovem anunciando o crime, além de imagens do corpo do rapaz morto.

As imagens foram enviadas ao celular do primo do músico antes do corpo do jovem ter sido identificado, ou seja, antes que a família soubesse da morte de Felipe. Os familiares não tinham notícias dele desde as 22h do domingo (5), quando ele deixou a casa da mãe após receber uma ligação. Segundo a polícia, os criminosos decapitaram e depois atearam fogo no corpo da vítima. 

O crime

Testemunhas contaram para polícia que Felipe estava indo para casa da namorada quando foi abordado por traficantes da região. Os criminosos perguntaram de onde ele era, e após ele responder que era morador do bairro de Boca da Mata, e acabou sendo assassinado. O Departamento de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP) investiga o caso.

Felipe era cantor da banda Golaço e compositor de famosos hits como "Depois de Nós é Nós de Novo", sucesso na voz de Igor Kannário e “Bumbum no Paredão", cantado por Léo Santana. 

Notícias relacionadas