METROPOLE

Sábado, 08 de maio de 2021

Política

Eures ironiza 'confusão' para eleição na UPB e revela convite de Rui para cargo no governo

Escolha de novo presidente da União dos Prefeitos da Bahia será no dia 2 de março

Eures ironiza 'confusão' para eleição na UPB e revela convite de Rui para cargo no governo

Foto: Metropress

Por: Matheus Simoni no dia 26 de janeiro de 2021 às 09:48

O ex-prefeito de Bom Jesus da Lapa e atual presidente da União dos Prefeitos da Bahia (UPB), Eures Ribeiro (PSD), comentou a eleição para a associação que reúne e representa os prefeitos do estado. De acordo com ele, a grande quantidade de candidatos reforça o papel agregador desempenhado pela UPB nos últimos anos. Em entrevista a Mário Kertész hoje (26), durante o Jornal da Bahia no Ar da Rádio Metrópole, ele brincou com a "confusão" com o grande número de postulantes.

"Quando eu fui candidato para a UPB, tinham dois candidatos: eu e o prefeito de Euclides da Cunha. Por sinal, um grande colega e um grande prefeito. Agora tem mais de 30 querendo ser presidente da UPB. Mais de 30 nomes se colocaram. Fico feliz, prova que a UPB cresceu, ganhou visibilidade e que todos querem colocar seus nomes. Foram muitas bandeiras e muitas conquistas", apontou. 

No entanto, de acordo com Eures, a eleição deve se afunilar na reta final. "Vai ser uma eleição que só os prefeitos poderão ter acesso ao recinto, vai começar de manhã e encerra pela tarde. Será no dia 2 de março. No dia 10 de fevereiro, todos os prefeitos terão a oportunidade de se inscrever. São 30 candidatos, mas a UPB tem uma regra de ouro para ser candidato, que tem que der 10% das assinaturas de prefeito. Vai reduzir a, no máximo, dois ou três", declarou o atual presidente da UPB. 

Eures Ribeiro comentou a relação dele com o governador Rui Costa (PT) e a gestão do petista no estado. Segundo ele, o estado está bem servido e houve até um convite do próprio governador para que ele assumisse uma pasta. "A Bahia é muito assistida pelo governador. Estive com ele há oito dias. Me convidou para participar num cargo no governo do estado, me ofereceram também um cargo federal da Funasa. Eu recusei todos os dois. Não estou no movimento para conseguir promoção de cargo público para mim. Me apaixonei pelo movimento municipalista. Vou continuar como vice-presidente da CNM, que pode continuar como ex-prefeito", afirmou.

TV METRO

Entrevistas

Roberto Coelho

Em 07 de maio de 2021
ASSINE O CANALMETROPOLE NO YOUTUBE
Eures ironiza 'confusão' para eleição na UPB e revela convite de Rui para cargo no governo - Metro 1