Usamos cookies para personalizar e melhorar sua experiência em nosso site e aprimorar a oferta de anúncios para você. Visite nossa Política de Cookies para saber mais. Ao clicar em "aceitar" você concorda com o uso que fazemos dos cookies

Política

Mandetta caracteriza fala de ACM Neto sobre 2022 como uma 'ode à dubiedade'

Ex-ministro respondeu à declaração de Neto feita ontem (3), onde ele não descartou a possibilidade de apoiar Bolsonaro caso o presidente mude sua postura 'extremista'

[Mandetta caracteriza fala de ACM Neto sobre 2022 como uma 'ode à dubiedade']
Foto : Marcello Casal Jr/Agência Brasil

Por Adele Robichez no dia 04 de Fevereiro de 2021 ⋅ 12:44

O ex-ministro da Saúde, Luiz Henrique Mandetta, em entrevista concedida hoje (4) ao portal O Antagonista, reagiu à declaração do presidente nacional do Democratas, ACM Neto, sobre as eleições de 2022. Para Mandetta, a fala de Neto é uma "ode à dubiedade".

Em entrevista ao jornal Folha de S. Paulo, publicada ontem (3), Neto disse que não descarta nenhuma opção para as próximas eleições presidenciais, que serão realizadas em 2022, e que cogitará apoiar o presidente da República Jair Bolsonaro (sem partido) caso ele mude o seu posicionamento "extremista".

"Qual Bolsonaro vai ser? Os dos dois últimos anos que passaram? Não queremos. Agora, haverá um reposicionamento? Para a construção de algo mais amplo, que não fique limitado à direita? Não sei. Então, não posso responder agora", explicou o presidente do DEM.

Para Mandetta, esta "é uma fala dúbia de um momento dúbio, de um partido dúbio". "Uma verdadeira ode à dubiedade”, opinou.

Notícias relacionadas