Usamos cookies para personalizar e melhorar sua experiência em nosso site e aprimorar a oferta de anúncios para você. Visite nossa Política de Cookies para saber mais. Ao clicar em "aceitar" você concorda com o uso que fazemos dos cookies

Política

Alesp aceita denúncia de assédio contra deputado estadual que assediou colega parlamentar

Fernando Cury foi flagrado passando as mãos no seio da deputada Isa Penna em sessão da assembleia

[Alesp aceita denúncia de assédio contra deputado estadual que assediou colega parlamentar ]
Foto : Divulgação/Alesp

Por Geovana Oliveira no dia 10 de Fevereiro de 2021 ⋅ 16:20

O Conselho de Ética e Decoro Parlamentar da Assembleia Legislativa de São Paulo (Alesp) aceitou hoje (10), por unanimidade, a denúncia de assédio da deputada estadual Isa Penna (PSOL) contra o deputado estadual Fernando Cury (Cidadania), e decidiu abrir um processo de cassação do deputado.

A denúncia foi feita após a deputada ter sido apalpada por Fernando Cury durante uma sessão da Alesp em dezembro. As imagens foram exibidas na própria TV da Casa parlamentar.

"Por unanimidade, por 10 a 0, o Conselho de Ética aceita a denúncia do caso de assédio que sofri do deputado Fernando Cury (Cidadania) e isso significa que a denúncia será investigada e debatida pelo próprio Conselho. Apesar desse ótimo resultado, não podemos baixar a guarda, pois a cassação não está garantida. A luta continua para que não haja impunidade no caso!", escreveu Penna sobre a decisão no Twitter.

Agora, testemunhas serão convocadas por ambos os lados ainda dentro do grupo, que terá de apresentar e votar um relatório final em 15 dias para ser posteriormente encaminhado ao plenário da Alesp. Por enquanto, Cury segue sua atuação parlamentar como deputado, sem qualquer tipo de punição ou restrição até que o processo seja encerrado pelo mesmo conselho. 

Notícias relacionadas