Sexta-feira, 18 de junho de 2021

Política

Depois do filho Flávio, Bolsonaro chama Renan Calheiros de "vagabundo"

Ofensa contra relator da CPI da Covid ocorreu durante cerimônia de entrega de obras em Maceió

Depois do filho Flávio, Bolsonaro chama Renan Calheiros de "vagabundo"

Foto: Reprodução / YouTube TV Brasil

Por: Rodrigo Meneses no dia 13 de maio de 2021 às 14:52

O presidente Jair Bolsonaro (sem partido) usou o palanque de uma cerimônia de entrega de moradias populares em Maceió (AL) para ofender o relator da CPI da Covid, o senador Renan Calheiros (MDB-AL), e o chamou de vagabundo.

A ofensa ocorreu no estado que é o reduto político do senador, um dia depois de o também senador Flávio Bolsonaro, filho do presidente, ter chamado Renan de vagabundo durante CPI da Covid.

“Sempre tem algum picareta, vagabundo, querendo atrapalhar. Se Jesus teve um traidor, temos um vagabundo inquerindo pessoas de bem no nosso país. É um crime o que vem acontecendo com essa CPI”, disse o presidente durante o discurso. Confira o vídeo com o xingamento ao final da matéria.

Nas inaugurações, o presidente cercou-se de adversários do senador Renan Calheiros e do governador Renan Filho (MDB). Participaram dos atos o presidente da Câmara dos Deputados, Arthur Lira (PP), o senador Fernando Collor (Pros) e o prefeito de Maceió João Henrique Caldas (PSB).

 

Depois do filho Flávio, Bolsonaro chama Renan Calheiros de "vagabundo" - Metro 1