Quarta-feira, 27 de outubro de 2021

Política

Prevent distribuiu kit-Covid como alternativa mais barata e por falta de leitos de UTI, diz advogada

Bruna Morato relatou à CPI que profissionais eram obrigados a prescrever medicamentos sem eficácia

 Prevent distribuiu kit-Covid como alternativa mais barata e por falta de leitos de UTI, diz advogada

Foto: Edilson Rodrigues/Agência Senado

Por: Metro1 no dia 28 de setembro de 2021 às 12:15

A advogada Bruna Morato, que representa médicos da Prevent Senior, confirmou em depoimento à CPI da Covid que o número de leitos em UTI nos hospitais da rede não era suficiente, o que teria levado a empresa a adotar o "tratamento precoce" como alternativa mais barata às internações. 

Em seu relato, a advogda também disse que profissionais eram obrigados a prescrever o chamado kit-Covid, com medicamentos sem eficácia comprovada para o tratamento do coronavírus. Ela afirmou que os kits vinham lacrados e mesmo a receita já estava pronta.

Bruna Morato afirma que o lema da Prevent Senior, lealdade e obediência, é incompatível com a autonomia médica.

"O kit vinha lacrado, com instrução de uso, eu não tenho como falar para meu cliente que está exercendo a função de forma autônoma", afirmou.

Assista ao vídeo com trecho de depoimento da advogada:

Prevent distribuiu kit-Covid como alternativa mais barata e por falta de leitos de UTI, diz advogada - Metro 1