Terça-feira, 17 de maio de 2022

Política

Moro reforça não ter medo de debate, mas rejeita ao menos dois convites em uma semana

"Não me abstenho em nenhum momento de debater o que fiz como juiz e o que fiz como ministro", disse. Apenas na última semana, Moro rejeitou o pedido de debate do grupo Prerrogativas e ignorou as provocações de Ciro Gomes nas redes sociais

Moro reforça não ter medo de debate, mas rejeita ao menos dois convites em uma semana

Foto: Marcelo Camargo/Agência Brasil

Por: Metro1 no dia 18 de janeiro de 2022 às 11:46

Em mais uma entrevista, o ex-juiz e pré-candidato à Presidência Sergio Moro (Podemos) voltou a dizer que está disponível para debates. "Não me abstenho em nenhum momento de debater o que fiz como juiz e o que fiz como ministro", afirmou Moro à Rádio Cidade, do Rio Grande do Norte.

Porém, ainda na última semana Moro recusou ao menos dois convites de debate. Na sexta-feira (14), o ex-ministro recebeu um convite do Grupo Prerrogativas - coletivo formado por advogados brasileiros. Na ocasião, Moro foi às redes sociais e chamou o grupo de "clube dos advogados pela impunidade".

"Desculpem, mas este é um clube do qual não quero participar. Mas debato com o chefe de vocês, o Lula, a qualquer hora, sobre o mensalão e o petrolão", acrescentou.

Antes disso, o ex-juiz também havia sido chamado para o debate pelo pré-candidato à Presidência pelo PDT, Ciro Gomes. 

Na terça-feira (11), em entrevista à Rádio Metropole, Moro usou o mesmo tom. Disse que estaria pronto para debater "com qualquer um, a qualquer momento". Ciro Gomes, então, aproveitou a deixa para convocá-lo através das redes sociais para um debate.

Na última sexta (14), porém, sem responder diretamente às provocações, Moro disse, em outra entrevista, que "não há qualquer possibilidade de diálogo com Ciro Gomes".

Moro reforça não ter medo de debate, mas rejeita ao menos dois convites em uma semana - Metro 1