Política

Rui critica manobra da Câmara para apressar expansão da terceirização

O governador da Bahia, Rui Costa (PT), se mostrou contrário à manobra articulada pelo presidente da Câmara dos Deputados, Rodrigo Maia (DEM-RJ), na última quarta-feira (22), que aprovou a terceirização irrestrita. Para o governador, houve falta diálogo com as entidades sindicais antes de levar a pauta para votação na Casa. [Leia mais...]

[Rui critica manobra da Câmara para apressar expansão da terceirização]
Foto : Tácio Moreira/Metropress

Por Matheus Simoni no dia 23 de Março de 2017 ⋅ 15:48

O governador da Bahia, Rui Costa (PT), se mostrou contrário à manobra articulada pelo presidente da Câmara dos Deputados, Rodrigo Maia (DEM-RJ), na última quarta-feira (22), que aprovou a terceirização irrestrita.

Para o governador, houve falta diálogo com as entidades sindicais antes de levar a pauta para votação na Casa. Rui destacou que o o texto prejudica os trabalhadores e que os projetos estão sendo votados de forma muito "açodada", sem a devida discussão.

"O ideal é você negociar e me parece que isso não foi feito", declarou Rui nesta quinta-feira (23), durante vistoria nas obras da Linha 2 do metrô de Salvador.

O deputado democrata adotou um projeto aprovado pelo Congresso em 1998, fazendo com que o projeto fosse direto para a sanção presidencial, sem ser necessária a discussão no Senado.

Notícias relacionadas